Honda passará a montar transmissões em Santa Catarina

Montagem das caixas de câmbio será feita em complexo logístico da Multilog

A Honda mudou o local de montagem das transmissões que equipam os automóveis da sua oferta no país. Antes em São Paulo, agora o processo ocorrerá em Itajaí (SC), no complexo logístico da Multilog, que abriga também a operação de outras empresas. 

Por meio de comunicado oficial, divulgado na terça-feira (3), a montadora afirma que o objetivo da mudança é "agregar maior agilidade, eficiência e competitividade à sua operação".

Leia também:

Caoa Chery suspende produção em Jacareí até 2025

VW investirá US$ 250 milhões na Argentina até 2026

O conjunto de transmissão montado em Itajaí irá equipar o motor 1.5L DOHC i-VETEC aspirado e com injeção direta, dos modelos New City Sedã e New City Hatchback comercializados no Brasil, além do motor a gasolina voltado para exportação. 

A nova operação também irá realizar a montagem do conjunto de transmissão do novo HR-V, anunciado recentemente, e que será comercializado no Brasil, a partir de agosto de 2022, nas motorizações 1.5 DI DOHC i-VTEC e 1.5 Turbo Flex.

Logística em três estágios

Após montado, o conjunto de transmissão seguirá para a unidade de Sumaré (SP). Lá, será integrado ao motor e, posteriormente, transferido para a fábrica de Itirapina (SP), onde são produzidos os automóveis Honda.

"A estrutura portuária e viária da cidade de Itajaí atende as atuais necessidades da Honda. Estamos confiantes nas parcerias estabelecidas no estado de Santa Catarina, que permitirão criar um fluxo estável em nossa cadeia de suprimentos”, disse Otávio Mizikami, vice-presidente industrial da montadora.

Fonte: Automotive Business


Tags
hondatransmissõessanta catarinaautomotivo
Compartilhe

Revista Ferramental

Fique por dentro das noticias e novidades tecnológicas do mundo da ferramentaria.