Fábrica da ZF em Sorocaba (SP) é primeira do mundo a usar veículos autônomos

Unidade tem quatro AGVs em áreas externas e é a única do grupo a utilizar globalmente esse recurso, que aumentou a produtividade em 30%.

A ZF do Brasil anunciou na segunda-feira, 3, que a sua fábrica localizada em Sorocaba, no interior de São Paulo, é a primeira do grupo em todo o mundo a utilizar veículos autônomos (AGVs) para transportar produtos como transmissões, eixos e componentes de manufatura não só na parte interna, como também na externa da planta de maneira totalmente autônoma. 

Assim, a unidade paulista passa a ser a primeira do grupo em todo o mundo a dispor desse recurso, que integra a estratégia da ZF de alinhar seus processos aos princípios da Indústria 4.0.

A implantação dos AGVs foi idealizada há dois anos, e a fábrica começou a receber a infraestrutura começou a ser adaptada para receber o sistema em 2020, com o primeiro veículo começando a operar em janeiro deste ano. Agora são quatro, que operam simultaneamente 24 horas por dia.

Segundo Marco Contó, gerente sênior de logística da ZF América do Sul, as previsões de ampliação da complexidade logística e de toda operação da empresa nos próximos anos, assim como os processos de automação e de digitalização influenciaram muito a criação e a implantação do sistema na fábrica, e os resultados são expressivos: aumento de 31,8% na produtividade durante a movimentação das cargas e redução de 94,6% na variabilidade do tempo de entrega dos materiais.

INOVANDO NO USO DE AGVs EM ÁREA EXTERNA

Renan Rêgo, gerente de logística da fábrica, lembra que as operações em áreas externas foram um dos maiores desafios do projeto. “Tivemos que levar em consideração um ambiente com variantes totalmente imprevisíveis, como o trânsito de veículos dos mais variados tipos e tamanhos, além de pessoas, condições climáticas, intempéries etc.”, declarou.

Como se não bastasse, a implantação do sistema teve de ser feita com a fábrica em funcionamento. “A preocupação foi de iniciar e manter em funcionamento um projeto dessa envergadura em paralelo ao andamento normal das atividades fabris, considerando a interação desses veículos com os colaboradores e a necessidade absoluta da preservação da segurança de todos e da operação como um todo”, completou o gerente.

Como resultado, o projeto hoje é destaque internacional no grupo ZF e tem sido compartilhado, com possibilidades de ser implantado em outras unidades da empresa, disse Marco Contó. Os quatro AGVs que operam atualmente na fábrica da ZF trabalham com até cinco vagões, podendo transportar até cinco toneladas.

Fonte: Automotive Business

Tags
zfsorocabaveiculos autonomos
Compartilhe

Revista Ferramental

Fique por dentro das noticias e novidades tecnológicas do mundo da ferramentaria.